Oferecido por

Principais lances

85'
S. Cartagena
S. Rodríguez
84'
T. Vecino
G. Bergessio
75'
S. Fernández
A. Trezza
70'
F. Carballo
Cartão Amarelo
68'
W. Montoya
B. Garré
68'
N. Domínguez
M. Martínez
63'
G. Castro
B. Ocampo
63'
F. Carballo
C. Yacob
58'
N. Reniero
D. Cvitanich
58'
L. López
H. Fértoli
56'
C. Yacob
Cartão Amarelo
53'
G. Bergessio
Gol de pênalti
48'
E. Mena
Cartão Amarelo
46'
C. Alcaraz
M. Rojas
Início de jogo
25'
A. Solari
Cartão Amarelo
Início de jogo
5
1
5
2

Estatítiscas

Posse de bola
% %
8
5
Chutes fora do gol
Chutes no gol 5 3
Total de passes 539 321

Comentários

Com o resultado de hoje, o Nacional se torna a equipe com mais vitórias fora de casa na história da Libertadores, chega a 9 pontos e assume a liderança isolada do Grupo F. O Racing se mantém com 6, na segunda colocação e só terá mais uma partida em casa nas três que restam da fase de grupos. Na semana que vem, o Nacional vai à Venezuela para enfrentar o Estudiantes de Mérida, em partida marcada para a terça-feira, às 19:15. O Racing, por sua vez, joga no dia seguinte às 21:30, contra o Alianza Lima no Peru.
O Nacional foi a Buenos Aires, sustentou a pressão no primeiro tempo e construiu o resultado antes dos 10 mintos da segunda etapa. Aos 8, Arias errou na saída de bola, Martínez cortou cruzamento de Trezza com a mão e cometeu o pênalti convertido por Bergessio. No minuto seguinte, Solari recebeu o segundo amarelo, foi expulso e prejudicou a equipe argentina, que já sofria com a falta de ritmo. A partir daí, o Nacional passou a controlar o resultado, trabalhar a posse de bola e se fechar na defesa para conter o ímpeto argentino. A estratégia deu certo e o Nacional conquista uma importante vitória fora de casa. O Racing ainda teve boas chances de empatar, mas Rochet, inspirado e Alcaraz, desatento trataram de manter o placar até o fim do jogo.
90' + 5' Acabou! Fim de jogo em Buenos Aires.
90' + 3' ROCHET! Pillud recebe na entrada da área, dá um tapa para o lado e solta a bomba para grande defesa de Rochet.
90' + 1' 4 minutos de acréscimo!
90' Pillud cruza na área, Corujo tenta o cabeceio, mas a zaga afasta o perigo.
88' Ocampos carrega a bola pela esquerda e descola um escanteio pelo setor.
86' Vecino tenta passe de calcanhar e acaba armando contra-ataque argentino.
S. Cartagena
S. Rodríguez
Nacional Uruguai
85' Santiago Cartagena entra no lugar de seu xará Rodríguez.
T. Vecino
G. Bergessio
Nacional Uruguai
84' Vecino entra no lugar do autor do gol do jogo, Bergessio.
81' FUROU! Bola longa nas costas da defesa, Alcaraz aparece livre de frente para o gol, mas fura a bola e perde a melhor chance do Racing no jogo.
79' Sebastián Fernandez é derrubado por Cigale e o Nacional tem boa falta pela direita.
77' Bola levantada na área Lisandro López não alcança e é só tiro de meta.
76' O Racing pressiona em busca do gol de empate, mas esbarra na marcação uruguaia.
S. Fernández
A. Trezza
Nacional Uruguai
75' Sebastián Fernández entra no lugar de Trezza.
74' O Racing é valente e, mesmo com um a menos, consegue encontrar espaços para se aproximar da área.
73' UUUHHH! Reniero arrisca de fora da área, pega forte na bola e leva perigo ao gol de Arias.
72' O Nacional busca trabalhar a posse de bola e manter o excelente resultado fora de casa.
F. Carballo
Cartão Amarelo
Nacional Uruguai
70' Carballo faz falta dura em Reniero e é punido com o amarelo.
W. Montoya
B. Garré
Racing
68' Garré é substituído por Montoya.
N. Domínguez
M. Martínez
Racing
68' Martínez sai para a entrada de Domínguez.
67' Rodríguez acerta Martínez e leva a bronca dos jogadores argentinos.
65'  Racing faz boa jogada pela direita, mas a finalização bate na cabeça do próprio companheiro e se afasta da área. Que azar!
G. Castro
B. Ocampo
Nacional Uruguai
63' Castro, titular no último jogo do Nacional, entra no lugar de Ocampo.
F. Carballo
C. Yacob
Nacional Uruguai
63' Felipe Carballo ganha a vaga e Yacob, no Nacional.
62' Com um homem a menos, o Racing tem ainda mais dificuldade de construir as jogadas de ataque.
60' Reniero recebe na intermediária, corta para o lado e chuta fraco, fácil para Rochet.
N. Reniero
D. Cvitanich
Racing
58' Cvitanich sai para a entrada de Reniero.
L. López
H. Fértoli
Racing
58' Lisandro López entra no lugar de Fértoli.
58' QUE ISSO?! Bergessio recebe livre na área, erra o alvo e perde grande chance de ampliar.
57' Méndez parte pela direita, cruza mal e desperdiça boa chance.
C. Yacob
Cartão Amarelo
Nacional Uruguai
56' Yacob para contra-ataque argentino com falta e também leva o amarelo.
54' Solari leva o segundo cartão amrelo e é expulso de campo.
G. Bergessio
Gol de pênalti
Nacional Uruguai
53' GOOOOOOL! DO NACIONAL! Bergessio cobra o pênalti com força no meio e abre o placar no Presidente Perón. Racing 0 x 1 NACIONAL
52' É PÊNALTI! Arias sai mal, Trezza invade a área pela direita e cruza para o meio, Martínez coloca a mão na bola e faz pênalti.
51' Rodríguez cobra falta de longa distância direto para o gol e leva certo perigo ao gol de Arias;
49' Bola levantada na área argentina, ninguém completa e Arias fica com ela.
E. Mena
Cartão Amarelo
Racing
48' Mena acerta o joelho de Trezza ao tentar o bote e é punido com o amarelo.
47' Cvitanich é lançado, mas estava impedido e arbitragem assinala a infração.
C. Alcaraz
M. Rojas
Racing
46' Primeira mudança no Racing: Alcaraz entra no lugar de Rojas.
45' Começa o segundo tempo!
Em partida disputada em Avellaneda, Racing e Nacional tiveram dificuldade em construir as jogadas e não conseguiram tirar o zero do placar. Apesar do longo período de paralisação, a Academia demonstrou condicionamento físico, dominou o jogo a partir do minuto inicial e foi a equipe que teve as melhores chances. Na mais perigosa delas, Cvitanich apareceu livre na área e foi travado por Rochet, que fez outras grandes defesas no primeiro tempo. O Decano tricolor buscava explorar os contra-ataques, mas esbarrava na forte barreira defensiva da equipe argentina. A expectativa fica por conta do condicionamento físico dos jogadores, que vêm fazendo uma partida de muita intensidade, principalmente por parte do Racing, no complemento da partida.
45' + 3' Acabou! Fim do primeiro tempo!
45' + 2' O árbitro aponta 2 minutos de acréscimo.
45' Pillud levanta na área, só havia Cvitanich para brigar pela bola e a zaga do Nacional afasta.
44' Oliveros recua com certa dificuldade de cabeça e Rochet sai do gol para limpar a jogada.
43' Ocampo é lançado nas costas da defesa, é travado na hora do passe e acaba cedendo o tiro de meta.
41' PERDEU! Garré faz linda jogada pela esquerda, encontra Cvitanich livre na área, mas o centroavante chuta para fora e perde gol feito.
40' Saída de bola mal feita pela defesa do Racing e o Nacional aproveita para acalmar o jogo.
37' QUE BOMBA! Boa chegada do Racing pela esquerda, Fértoli cruza na área e, na sobra, Garré chuta forte para defesa de Rochet.
36' Sequência de lances fortes no meio campo, mas o árbitro quer jogo e manda seguir.  
34' Ocampo carrega pela esquerda, é calçado por Garré e o Nacional fica com a falta.
33' O Nacional esboça uma pressão pela direita, mas não consegue passar pela forte marcação argentina.
31' POR CIMA! Fértoli recebe na entrada da área, mira o gol, mas acerta o alambrado detrás da baliza.
29' Garré não alcança lançamento longo pela direita e é só tiro de meta para o Nacional.
27' Trezza recebe em profundidade, Martínez aperta e tira pela lateral.
A. Solari
Cartão Amarelo
Racing
25' Solari chega duro em Yacob e leva o primeiro amarelo do jogo.
25' ROCHET! Sequência de bolas levantadas na área do Nacional e Rochet salva sua equipe com uma bela defesa à queima-roupa.
23' Solari não pega bem na bola e erra passe dentro da grande área.
22' Rodríguez chuta forte, mas pega muito embaixo da bola e manda longe do gol.
20' Rodríguez parte na diagonal, chuta de fora da área e é calçado na hora da finalização. Falta perigosa para o Tricolor.
18' Martínez é mais um a tentar o lançamento longo, mas também pega muito forte na bola.
17' Passe longo demais de Corujo para Mena nas costas da defesa e o Nacional fica com o tiro de meta.
16' Méndez carrega pela direita, briga pela bola, mas não consegue dar seguimento à jogada de ataque.
14' O Nacional tem dificuldade de armar as jogadas de contra-ataque e é facilmente envolvido na marcação alvi-celeste.
13' A Academia controla totalmente a posse de bola e espera as melhores oportunidades para partir em direção ao gol.
11' Os auto-falantes do Cilindro de Avellaneda transformam o estádio em um verdadeiro caldeirão, mesmo sem a presença da torcida.
10' Pillud cruza recuado, Cvitanich tem dificuldade em cabecear e não pega bem na bola.
8' Mesmo com tanto tempo sem jogar uma partida oficial, os argentinos demonstram intensidade em campo e controlam a partida nesses minutos iniciais.
7' Contra-ataque rápido do Racing pela direita, a bola é levantada na área e Sigali cabeceia por cima do gol.
5' PEGOU FRACO! Rodríguez rouba a bola de Solari no ataque, rola para Begessio e o camisa 9 chuta fraco, fácil para Arias.
4' Pillud arrisca de longe e Rochet faz a defesa no meio do gol.
3' Cvitanich é acionado na entrada da área, Vinícius se antecipa e afasta parcialmente.
2' O Racing troca passes nesse começo de partida e busca avançar com a bola dominada.
1' Autoriza o árbitro! Bola rolando no Presidente Perón!
O Nacional utiliza a formação 4-3-4-1 e entra em campo com: Rochet - Méndez, Corujo, Paulo Vinícius, Oliveros - Neves, Yacob - Trezza, Ocampo, Rodríguez e Bergessio.
O Racing começa jogando no 4-3-3 e está escalado da seguinte forma: Arias - Pillud, Martínez, Sigali, Mena - Miranda, Solari, Rojas - Garré, Fértoli e Cvitanich;
O Nacional, com mais ritmo de jogo, vem com o que tem de melhor em busca da vitória fora de casa. A equipe dirigida por Gustavo Munúa terá apenas uma mudança em relação à equipe que venceu o Danubio por 2 a 0 no último domingo: Ocampo ganha a vaga de Gonzalo Castro na ponta esquerda. Bergessio, artilheiro e ídolo da torcida está confirmado e será a referência no ataque do Decano.
Além de estar sem qualquer ritmo de jogo, o Racing, dirigido por Sebastián Beccacece já começou a disputa antes de entrar em campo, contra o Covid-19. Com vários jogadores diagnosticados com a doença, Beccacece teve de esperar até o minuto final para saber quem poderia utilizar. Testado positivo no dia 8, o lateral e capitão Pillud está recuperado e começa jogando o importante duelo de logo mais.
Empatados na ponta do Grupo F com 6 pontos cada, Racing e Nacional se enfrentam nesta tarde de quinta-feira buscando assumir a liderança isolada do grupo e colocar um pé na próxima fase do torneio de clubes mais competitivo do planeta. O Racing, campeão da Libertadores e do mundo em 1967, fará hoje seu primeiro jogo após a pralisação do futebol e quer aproveitar o mando de campo para bater o maior adversário do Grupo F e encaminhar a classificação para as oitavas. O Nacional, tricampeão da Libertadores e do mundo, ja voltou a jogar desde o mês passado e ainda não perdeu no período, foram 6 vitórias e 3 empates. Os Bolsos, como são conhecidos no Uruguai, terão hoje seu principal teste após a volta das atividades futebolísticas.
Sejam bem-vindos e bem-vindas ao minuto a minuto de Racing (ARG) e Nacional (URU), em duelo válido pela terceira rodada do Grupo F da Copa Libertadores da Américas 2020. A bola rola às 17:00 no Estádio Presidente Perón e o árbitro escalado para o encontro é o chileno Cristián Garay.
Comentários ()