Vasco goleia bolivianos e avança à semifinal na CONMEBOL Libertadores de Futebol de Praia

Cariocas goleiam o Hamacas por 7 a 3 e terão o Acassuso como adversário por um lugar na final

O Vasco segue na busca pelo terceiro título da CONMEBOL Libertadores de Futebol de Praia. Em um dia de duelos tensos e equilibrados no Parque Olímpico do Paraguai, em Assunção, a equipe carioca sobressaiu em relação ao restante das equipes e alcançou vaga na semifinal com uma goleada por 7 a 3 sobre o Hamacas-BOL.

Fazem companhia ao time carioca o Monagas-VEN, o Acassuso-ARG e o Cerro Porteño-PAR. O rival dos cariocas será a equipe argentina, nesta sexta-feira (20), quando serão disputadas as semis.

Chaves semifinais Libertadores de Praia

Vasco-BRA 7 x 3 Hamacas-BOL

Apostando em marcação forte e posse de bola, o Vasco se impôs sobre a equipe boliviana ainda na primeira etapa, abrindo rapidamente 2 a 0 no placar. O adversário ainda conseguiu diminuir a desvantagem, mas ao fim da segunda etapa o placar já apontava 5 a 1 para os cariocas.

O Hamacas não desistiu do duelo e tentou atacar a equipe brasileira até o fim, mas o goleiro Ortuño acabou expulso, freando qualquer possibilidade de reação. O capitão Antonio, autor de quatro gols para o Cruz-Maltino, acabou como destaque do duelo.

Monagas-VEN 2 (3) x (1) 2 Guaviare-COL

No primeiro jogo do dia, o favorito Monagas mais uma vez penou para derrotar o valente Guaviare. Mesmo saindo na frente e retomando a vantagem menos de um minuto após o 1 a 1 dos colombianos com um golaço, os líderes do Grupo A sofreram o empate no terceiro tempo e não conseguiram mais passar à frente. Com o empate persistindo na prorrogação, a decisão ficou para os pênaltis, outra vez a senha para que o goleiro Prado defendesse uma cobrança e se tornasse o cara da classificação.

Cerro Porteño-PAR 8 x 4 San Bernardino-PAR

O placar dilatado pode enganar, mas o duelo entre Cerro e San Bernardino, que levou o maior público da competição até o momento, esteve longe de ser tranquilo. Com a torcida do San Ber cantando bastante, o time saiu na frente e abriu 2 a 0. O Cerro, travado na maioria das jogadas, não conseguia desenvolver seu jogo até diminuir em uma bola parada. No último segundo do primeiro tempo, conseguiu o empate em desatenção do rival.

Dali em diante, o Cerro ganhou o lado emocional e desembestou a fazer gols em desatenções do San Ber. O marcador chegou a ficar 7 a 2, mas dois gols da equipe alvirrubra no final deram números mais justos à eliminatória.

Deportes Iquique-CHI 4 x 5 Acassuso-ARG

No terceiro duelo do dia, o time argentino passou sufoco, mas venceu o Iquique por 5 a 4 para encarar o Vasco nas semifinais da Libertadores.

Fechar