Todas as participações do San Lorenzo na Copa CONMEBOL Libertadores

Classificada à fase de grupos, equipe argentina foi campeã em 2014 e participará da competição pela 16ª vez

Com vaga assegurada na fase de grupos da Copa CONMEBOL Libertadores de 2019, o San Lorenzo de Almagro participará de uma edição do torneio pela 16ª vez em sua história.

Campeão em 2014, a equipe argentina ostenta retrospecto de 46 vitórias, 35 empates e 45 derrotas em 126 partidas, com 156 gols marcados e 128 sofridos. Confira o histórico:


CAMPEÃO


AFP San Lorenzo Papa Francisco Copa Libertadores

Famoso mundialmente por ser o clube do coração do papa Francisco, o San Lorenzo encheu de orgulho o seu torcedor mais ilustre ao conquistar o título da Libertadores de 2014, eliminando dois brasileiros nos mata-matas: Grêmio (oitavas de final) e Cruzeiro (quartas). Na decisão, os argentinos superaram o Nacional do Paraguai com um empate em 1 a 1 no jogo de ida e vitória na partida de volta por 1 a 0.


SEMIS


Presente na final apenas uma vez, o San Lorenzo atingiu a semifinal da competição em três edições: 1960, 1973 e 1988.


OUTRAS EDIÇÕES


Lanus San Lorenzo Copa Libertadores 13092017

A campanha dos argentinos não passou das quartas de final em quatro edições: 1992, 1996, 2008 e 2017, ano em que esteve na Libertadores pela última vez, sendo eliminado pelo Lanús nos pênaltis. Nas demais participações, o time não avançou aos mata-matas.

O sorteio dos grupos da Copa CONMEBOL Libertadores 2019 será no dia 17 de dezembro, em Luque, no Paraguai.

A Libertadores de 2019 já tem 45 dos 47 participantes definidos:  

Argentina: River Plate, Boca Juniors, San Lorenzo, Godoy Cruz, Huracán, Rosario Central e Talleres
Bolívia: Jorge Wilstermann e The Strongest
Brasil: Cruzeiro, Palmeiras, Atlético-PR, Internacional, Flamengo, São Paulo, Grêmio e Atlético-MG
Chile: Universidad Católica, Universidad de Chile, Universidad de Concepción e Palestino
Colômbia: Atlético Nacional, Independiente Medellín, Junior Barranquilla e Tolima
Equador: LDU, Barcelona, Emelec e Delfín
Paraguai: Olimpia, Cerro Porteño, Nacional e Libertad
Peru: Alianza Lima, Melgar, Real Garcilaso e Sporting Cristal
Uruguai: Peñarol, Nacional, Danubio e Defensor
Venezuela: Caracas, Deportivo La Guaira, Deportivo Lara e Zamora

Fechar