Todas as participações do Peñarol na Copa CONMEBOL Libertadores

Primeiro campeão da história do torneio, uruguaios são recordistas em aparições e conquistaram cinco títulos, mas não levantam a taça continental desde 1987

Recordista de participações na Copa CONMEBOL Libertadores ao lado do rival Nacional-URU, o Peñarol disputará em 2019 a competição pela 46ª vez. Atual líder do Campeonato Uruguaio, os aurinegros obtiveram classificação direta à fase de grupos.

Primeiro campeão da história da Libertadores, o Peñarol só está atrás de Independiente (sete) e Boca Juniors (seis) em número de conquistas. Foram cinco troféus levantados em dez finais, a última vez há mais de três décadas, em 1987. O clube acumula o terceiro melhor retrospecto do torneio, com 158 vitórias, 78 empates e 121 derrotas em 357 partidas. Confira o histórico:


CAMPEÃO


Peñarol Copa Libertadores

Com a genialidade de Alberto Spencer no ataque ao seu dispor, o Peñarol foi o campeão da primeira edição da Copa COMNEBOL Libertadores, em 1960, superando o Olimpia na decisão, e levantou a taça por mais duas vezes naquela década, em 1961 e 1966. Os aurinegros voltaram ao topo do pódio nos anos 1980: diante do Cobreloa, em 1982, e derrubando o América de Cali, em 1987.


VICE


Santos Peñarol Neymar Copa Libertadores 2011

O Peñarol chegou a outras cinco decisões de título, mas saiu de campo derrotado nas edições de 1962 (perdeu a final para o Santos de Pelé e Coutinho), 1965, 1970, 1983 (contra o Grêmio) e 2011 (derrotado novamente pelo Santos, que contava com Neymar).


SEMIS


O objetivo do Peñarol de chegar a mais títulos da Libertadores esbarrou nas semifinais em dez ocasiões, a maior parte entre as décadas de 1960 e 1970, o auge do time uruguaio no cenário sul-americano e mundial: 1963, 1967, 1968, 1969, 1972, 1974, 1976, 1979, 1981 e 1985.

OUTRAS EDIÇÕES


Peñarol Copa Libertadores 2018

O Peñarol não passou das quartas de final da Libertadores em 1988, 1997, 1998 e 2002. Em outras quatro ocasiões, parou nas oitavas: 1989, 1995, 1996 e 2000. Nas demais participações, os uruguaios sucumbiram na fase de grupos, incluindo 2018, em que ficou na terceira colocação do Grupo C, com nove pontos, atrás de Libertad e Atético Tucumán.

O sorteio dos grupos da Copa CONMEBOL Libertadores 2019 será no dia 17 de dezembro, em Luque, no Paraguai.

A Libertadores de 2019 já tem 44 dos 47 participantes definidos:

Argentina: River Plate, Boca Juniors, San Lorenzo, Godoy Cruz, Huracán, Rosario Central e Talleres
Bolívia: Jorge Wilstermann e The Strongest
Brasil: Cruzeiro, Palmeiras, Internacional, Flamengo, São Paulo, Grêmio e Atlético-MG
Chile: Universidad Católica, Universidad de Chile, Universidad de Concepción e Palestino
Colômbia: Atlético Nacional, Independiente Medellín, Junior Barranquilla e Tolima
Equador: LDU, Barcelona, Emelec e Delfín
Paraguai: Olimpia, Cerro Porteño, Nacional e Libertad
Peru: Alianza Lima, Melgar, Real Garcilaso e Sporting Cristal
Uruguai: Peñarol, Nacional, Danubio e Defensor
Venezuela: Caracas, Deportivo La Guaira, Deportivo Lara e Zamora

Fechar