Rodrigo Caio analisa português Jorge Jesus: 'Um dos treinadores que mais me exigiu'

Zagueiro do Flamengo relata intensidade nos primeiros dias de trabalho do novo comandante rubro-negro e projeta uma parceria de sucesso

Por Marcio Porto, Raísa Simplicio e Ricardo Taves

Os primeiros dias de trabalho do técnico Jorge Jesus no Flamengo têm chamado atenção pela intensidade e exigência nos treinamentos. Isso é o que relata o zagueiro Rodrigo Caio, cujo discurso otimista traz esperança aos torcedores rubro-negros para a parceria com o comandante português. 

Jorge Jesus foi apresentado no último dia 10 de junho no Flamengo e iniciou seu trabalho como treinador. Disputou dois jogos até então: um empate contra o Athletico-PR por 1 a 1 nas quartas de final da Copa do Brasil na última quarta-feira e uma goleada de 6 a 1 sobre o Goiás no último domingo no Campeonato Brasileiro. Rodrigo se anima. "Um dos treinadores que mais me exigiu fisicamente, taticamente, pela cobrança, pela intensidade como cobra, pela forma como fala, e acredito que tem sido muito positivo para nós. Num time que gosta muito de treinar, de evoluir, de crescer como equipe, isso é o primeiro passo. Quando você consegue encaixar as duas ideias: um treinador que tem uma mentalidade exigente, rígida, querendo um time muito competitivo e um time que já tem isso por natureza, de competir, de querer vencer, de querer melhorar. Acredito que estamos num caminho. E espero que a gente possa tirar isso e colocar nos jogos, alcançar os nossos objetivos", afirmou Rodrigo, em entrevista exclusiva aos canais da CONMEBOL Libertadores. 

O Flamengo se prepara para as oitavas de final da Libertadores. Inicia contra o Emelec no próximo dia 24 no Equador. Nos próximos dias, você acompanhará mais conteúdo especial de Rodrigo Caio. Não perca! 

Fechar