Os gols e jogadas de Zico, o maior artilheiro do Flamengo na história da CONMEBOL Libertadores

Galinho marcou 16 vezes com a camisa rubro-negra na Copa e foi o artilheiro na conquista de 1981, com dois gols na grande final contra o Cobreloa

Arthur Antunes Coimbra, o Galinho da Gávea. Zico é o maior artilheiro do Flamengo na história da CONMEBOL Libertadores, com 16 gols marcados em 20 partidas (Júnior, outro ídolo, é quem mais vezes atuou). O maior ídolo da história do clube, bicampeão da Copa, foi o grande personagem da primeira conquista rubro-negra, em 1981.

Zico foi o principal nome de um ano mágico do Flamengo: marcou 11 gols e foi o artilheiro da Libertadores, título que deu aos cariocas a chance de disputar o Mundial de Clubes, conquistado depois contra o Liverpool, no Japão.

O eterno camisa 10 da Gávea brilhou do início ao fim naquela que foi sua primeira Copa. Na grande final, no jogo-desempate contra o Cobreloa, em Montevidéu, no Uruguai, Zico marcou duas vezes na vitória por 2 a 0 sobre os chilenos. Histórico!

O ídolo defendeu o Flamengo em mais duas edições da Libertadores, em 1982 e 1983, ano em que despediu-se da competição com três gols, no dia 22 de abril. Assista ao craque em ação.

Fechar