Os estádios que receberam mais jogos na história da CONMEBOL Libertadores

Centenário, de Montevidéu, é a casa com mais partida na Copa. No Brasil, Mineirão está no topo. Veja os tops brasileiros e de toda a América do Sul

As casas da CONMEBOL Libertadores em 60 anos de Copa guardam emoções eternizadas nas memórias de torcedores de toda a América do Sul. Quais são os estádios que mais receberam partidas do torneio? A lista geral tem o Centenário, de Montevidéu, disparado como o estádio com mais jogos da competição: 409.

O top 10 do Brasil é liderado pelo Mineirão, com 104 partidas. O destaque é o Grêmio, que coloca suas duas casas (Arena e o antigo Olímpico) no seleto grupo - Tricolor é o clube com mais vitórias entre os brasileiros na história da Libertadores.

Veja a lista brasileira e a de todos estádios da Copa:

Top estádios da Libertadores no Brasil

1) Mineirão: com 104 jogos, o estádio de Belo Horizonte foi palco das conquistas do Cruzeiro, em 1997, e do Atlético-MG, em 2013. Foi também no Magalhães Pinto que o Estudiantes levantou sua quarta e última Libertadores, em 2009. Com capacidade para 61.927 pessoas, foi sede da Copa das Confederações e da Copa do Mundo, no Brasil, em 2013 e 2014, respectivamente. 

2) Morumbi: a casa do São Paulo recebeu 102 partidas da Copa e foi o palco dos títulos de 1992 e de 2005 do tricampeão. Outros clubes paulistas também jogaram decisões no Morumbi, casos de Santos e Palmeiras, vencidos pelo Boca Juniors em 2003 e 2000. O Vélez, outro argentino, também conquistou a Libertadores no local, contra os são-paulinos. O estádio Cícero Pompeu de Toledo, no bairro do Morumbi, em São Paulo, hoje comporta mais de 66 mil pessoas.

3) Maracanã: o estádio onde o atual campeão da América, o Flamengo, sedia suas partidas recebeu 92 jogos. Um dos campos mais famosos do mundo, o Maracanã recebeu duas finais de Copa do Mundo e uma única de Libertadores, a de 2008, conquistada pela LDU contra o Fluminense. A capacidade do Jornalista Mario Filho, localizado no Rio de Janeiro, é de 78 838.

Maracanã

4) Pacaembu: o estádio Municipal de São Paulo, com 80 anos de fundação, soma 75 partidas desde 1960 na Copa. É desde os primórdios uma das casas da competição - o Palmeiras foi o primeiro brasileiro a jogar uma final no estádio, em 1961, quando um empate em 1 a 1 definiu o bicampeonato do Peñarol. Santos, em 2011, e Corinthians, em 2012, festejaram no Pacaembu suas conquistas, assim como o Olimpia, em 2002. O Paulo Machado de Carvalho comporta mais de 40 mil pessoas.

5) Palestra Itália/Allianz Parque: o antigo estádio do Palmeiras e o novo, reformado em 2014, somam 70 jogos de Libertadores, sendo 52 antes de ter sido remodelado. O Alviverde jogou uma das quatro finais de Copa que disputou em sua casa: justamente a que conquistou, em 1999. A capacidade do estádio palmeirense é de 43.713 torcedores.

6) Beira-Rio: o estádio do Internacional foi palco das duas conquistas do clube de Porto Alegre, em 2006 e 2010. Uma das sedes da Copa do Mundo de 2014, o campo do Colorado recebeu 66 jogos e comporta mais de 60 mil torcedores.

Beira-Rio

7) Olímpico: a antiga casa do Grêmio sediu a primeira conquista do tricampeão, em 1983. O Olímpico Monumental, com 66 partidas de Libertadores, deixou de funcionar em 2013. O estádio comportava mais de 50 mil pessoas.

8) Vila Belmiro: a histórica casa do Santos, outro tricampeão da Libertadores. Hoje com capacidade para 16 mil pessoas no litoral paulista, o estádio recebeu 49 partidas da Copa, com craques como Pelé e Neymar vestindo a camisa alvinegra no Urbano Caldeira.

9) São Januário: mais uma casa de um campeão, o Vasco da Gama. O estádio, localizado no Rio de Janeiro, tem capacidade atual para cerca de 20 mil pessoas. Inaugurado em 1927, o Estádio Vasco da Gama é um dos mais tradicionais do continente e do Brasil.

10) Arena do Grêmio: o nova casa do tricampeão já figura no top 10 do Brasil, com 33 partidas, mesmo com menos de dez anos de funcionamento. O estádio foi inaugurado em 2012 e tem capacidade para mais de 60 mil torcedores.

Top 10 estádios geral da Copa:

Top estádios da Libertadores

Fechar