Na raça e no talento, líder Athletico bate Tolima e mantém 100% em casa na Copa Libertadores

Furacão enfrentou uma forte retranca dos colombianos, mas conseguiu a vitória por 1 a 0 com gol de Bruno Guimarães. Torcedores entraram na onda do Marco Ruben

Raça, vibração, vontade. Luta. Não faltavam ingredientes para o Athletico Paranaense dentro da Arena da Baixada, mas não era suficiente. O Tolima (COL), com seu time postado atrás, se defendia com valentia e assim atingia seu objetivo de voltar para casa com um ponto. Mas nem só de força vive esse Furacão na Copa CONMEBOL Libertadores. Além da garra simbolizada no argentino Marco Ruben, desta vez foi o talento de Bruno Guimarães que resolveu. Ele fez o gol da vitória por 1 a 0 com um chute de fora da área no segundo tempo (clique para detalhes e estatísticas). Um prêmio para o vistoso futebol do meia. 

O triunfo assegurou ao Athletico mais uma rodada na liderança do Grupo G, agora com nove pontos. O Furacão terminará a fase de grupos com 100% de aproveitamento e sem sofrer um gol em sua casa. Forte! 

Força que veio também da arquibancada, uma aliada nesses três jogos. Desta vez, os fanáticos resolveram colocar no rosto um dos símbolos deste time. Na torcida, diversos com o curativo utilizado por Marco Ruben, o esparadrapo preto na bochecha. Com ele, o argentino não marcou como vinha fazendo, mas simbolizou a entrega que nunca falta. 

O Athletico poderia ter vencido por mais, acertou uma bola no travessão e pressionou seu adversário, mas o Tolima também foi forte na defesa. De qualquer forma, o Furacão segue a todo vapor na Copa, seja nos gols e força de Marco Ruben, seja no talento de nomes como Bruno Guimarães.

Fechar