Grêmio: a alma copeira do Imortal em mais uma disputa de Libertadores

Tricolor, campeão em 2017 e semifinalista nas últimas três edições, larga mais uma vez na competição sonhando com o tetracampeonato, que seria recorde no Brasil

Quando o assunto é Libertadores, o peso da camisa do Grêmio é indiscutível. E é no melhor espírito copeiro que o Imortal chega para buscar o tetracampeonato na CONMEBOL Libertadores 2020. Com 101 vitórias na história do torneio, é o único brasileiro a ter batido a marca centenária.

O Tricolor estreia pelo Grupo E nesta terça-feira, contra o América de Cali, na Colômbia. Antes, parte do elenco participou de uma produção exclusiva dos canais oficiais da Libertadores.

Além de uma sessão de fotos especiais, os jogadores falaram sobre o sonho de conquistar a Glória Eterna. “Jogar essa competição, pra mim, é o auge de qualquer jogador, porque é a principal competição que um clube brasileiro pode disputar”, comentou Diego Souza.

O Grêmio foi campeão em 2017 e semifinalista em 2018 e 2019. Para Geromel, estar sempre presente nas fases decisivas da Libertadores, é uma força a mais para o time brigar pelo título. “Nesses últimos três anos a gente têm figurado sempre nas semifinais, chegando sempre longe, e isso mostra a força do nosso grupo, a continuidade do trabalho”, reforçou.

O recém-chegado Thiago Neves já está focado na briga pela taça que ainda falta na coleção pessoal. “É um time copeiro, que foi campeão três vezes, espero poder se tetracampeão esse ano”, finalizou.

Todas as fotos e entrevistas estarão disponíveis nos canais oficiais da Libertadores!

Grupo E - Libertadores

Fechar