Flamengo x Internacional: o vermelho, o branco e o preto de uma rivalidade intensa em Copas

Equipes se enfrentam nas quartas de final da CONMEBOL Libertadores com histórico equilibrado em mata-mata. Quem levará melhor?

Flamengo e Internacional se distinguem, entre outras coisas, pelo preto do uniforme dos cariocas, mas o equilíbrio entre os clubes quando se enfrentam é proporcional ao de suas cores. Adversário nas quartas de finais da CONMEBOL Libertadores nos próximos dias 21 e 28, Rubro-Negros e Colorados possuem uma história de confrontos acirrados e com resultados que deixam imprevisíveis quaisquer prognósticos para o mata-mata da Copa.  

A festa foi em vermelho e preto na única edição de Libertadores em que os clubes se enfrentaram. Na fase de grupos de 1993, as equipes abriram com empate por 0-0 em Porto Alegre, mas o Rubro-Negro consolidou a liderança da chave com vitória por 3-1 no Maracanã. Lanterna, o Inter se despediu da competição. O campeão acabou sendo o tricolor São Paulo. 

Placa Fla x Inter

Mais tarde, em 1999, o confronto se repetiu na seletiva para a Libertadores e desta vez a comemoração ficou restrita ao vermelho e branco. O Inter abriu com 1-0 em Porto Alegre e se garantiu na fase seguinte com empate em 0-0 no Rio de Janeiro. Acabou não chegando à edição vencida pelo verde do Palmeiras. 

A história dos confrontos fica ainda mais colorido, no entanto, nas competições nacionais. As equipes se enfrentaram três vezes pelas quartas de final da Copa do Brasil, mesma fase de agora. O Flamengo leva vantagem, mas quem triunfou por último foi o Inter. Deu vermelho e preto em 1996 e 1997, anos em que o Fla tinha a magia de Romário, e vermelho e branco em 2009, quando o Colorado chegou à final da Copa do Brasil. Deu Corinthians em preto e branco. 

Agora em busca da Glória Eterna, atingida pelo Internacional duas vezes, e pelo Flamengo, uma, as duas equipes colocarão sua arte à prova. O Maracanã, na ida, e o Beira-Rio, na volta, certamente estarão cheios e coloridos. Resta saber se prevalecerão o vermelho e branco gaúcho ou se o semifinalista terá acréscimo do preto carioca.

Flamengo x Inter

Os números do Flamengo na fase de grupos:

Jogos: 6
Retrospecto: 3 vitórias, 1 empate e 2 derrotas
Gols pró: 11
Gols contra: 5
Saldo de gols: +6
Posse de bola (média por jogo): 57,1%
Artilheiro: Éverton Ribeiro (3 gols)
Líder em assistências: Bruno Henrique (4)
Líder em passes certos: Cuéllar (343)
Líder em desarmes: Cuéllar e Renê (19)
Líder em defesas: Diego Alves (17)

Os jogos do Flamengo na fase de grupos:

1. San José 0 x 1 Flamengo
2. Flamengo 3 x 1 LDU
3. Flamengo 0 x 1 Peñarol
4. Flamengo 6 x 1 San José
5. LDU 2 x 1 Flamengo
6. Peñarol 0 x 0 Flamengo

Oitavas de final do Flamengo:

Emelec 2x0 Flamengo
Flamengo 2(4)x(2)0

Os números do Internacional na fase de grupos:

Jogos: 6
Retrospecto: 4 vitórias e 2 empates
Gols pró: 11
Gols contra: 6
Saldo de gols: +5
Posse de bola (média por jogo): 46,8%
Artilheiro: Nico López e Rafael Sobis (3 gols)
Líder em assistências: Nico López (3)
Líder em passes certos: Edenilson (206)
Líder em desarmes: Rodrigo Dourado (17)
Líder em defesas: Marcelo Lomba (14)

Os jogos do Internacional na fase de grupos:

1. Palestino 0 x 1 Internacional
2. Internacional 2 x 0 Alianza Lima
3. Internacional 2 x 2 River Plate
4. Internacional 3 x 2 Palestino
5. Alianza Lima 0 x 1 Internacional
6. River Plate 2 x 2 Internacional

Oitavas de final do Internacional:

Nacional 0x1 Internacional
Internacional 2x0 Nacional

Tabela da LIbertadores - quartas

Fechar