Fase 1 da Copa CONMEBOL Libertadores registra recorde de 21 gols: assista a todos!

Delfín, Defensor e La Guaira seguem em uma etapa que teve média de 3,5 gols por jogo, maior número registrado neste formato da Copa desde 2017

A primeira fase da Copa CONMEBOL Libertadores de 2019 registrou um recorde de 21 gols em seis partidas, média de 3,5 por jogo. O classificado Defensor Sporting, do Uruguai, tem o melhore ataque, com seis gols nas duas rodadas. Até mesmo o Bolívar, eliminado, registou média alta, com cinco gols nos duelos diante dos uruguaios, mesmo desempenho do Delfín.

O número é o mais alto na Fase 1 desde que ela passou a ser disputada neste formato, em 2017, com 47 clubes na Libertadores. No ano passado, foram dez gols nesta etapa, na qual Olimpia, Deportivo Táchira e Oriente Petrolero se classificaram.

Na estreia da primeira fase com seis clubes, há dois anos, 18 gols foram marcados: Montevideo Wanderers, Independiente del Valle e Deportivo Capiatá avançaram.

Roberto Ordóñez, do Delfín, é o artilheiro da Copa, com três gols. Ele e Garcés marcaram todos os gols do clube diante do Nacional.


DEFENSOR 6X5 BOLÍVAR


  • Curiosidade do duelo: Defensor perdeu pela primeira vez em casa para um boliviano em torneios da CONMEBOL. Eram duas vitórias e dois empates até a última quarta. 

NACIONAL 1X5 DELFÍN


  • Curiosidade do duelo: Nacional soma cinco derrotas seguidas para clubes do Equador em torneios da CONMEBOL: fez um gol e sofreu oito. 

GARCILASO 2X2 LA GUAIRA


  • Curiosidade do duelo: Garcilaso quebrou um jejum de seis jogos seguidos sem marcar gols na Libertadores. Mas de nada adiantou...

Fase 2 Libertadores 2019 completa 

Fechar