Conmebol Libertadores está de volta com confrontos históricos nas oitavas de final

Estudiantes e Grêmio se enfrentam na noite desta terça. Há mais seis jogos na quarta e na quinta. Corinthians, Flamengo, Cruzeiro e Palmeiras entrarão em campo

A fase final da Copa Libertadores 2018 está prestes a começar com as oitavas-de-final. Depois da Copa do Mundo na Rússia, chegou a hora da ação na CONMEBOL Libertadores, com grandes duelos que prometem emoções. Esta semana será realizada a primeira etapa, cuja definição será na última semana de agosto.

Existem cinco séries entre campeões: River vs. Corrida, Santos vs.Independent, Guild vs. Alunos do Cruzeiro vs. Flamengo e Corinthians vs. Colo Colo. E a fase é completada com Boca vs. Libertad, Palmeiras vs. Cerro Porteño e Atlético Tucumán vs. Atlético Nacional.Das 16 equipes, 13 já foram campeões.


Estudiantes vs. Grêmio / Terça-feira às 21h45 (ARG e BRA) no estádio Quilmes


O Grêmio, o último campeão, enfrentará o Estudiantes, quatro vezes vencedor da Libertadores. Argentinos e brasileiros jogaram duas vezes na Libertadores, ambos os confrontos nas semifinais de 1983.

No Brasil, o Grêmio venceu por 2 a 1, enquanto no La Plata se igualou a 3 a 3 em uma partida incrível. Os brasileiros venceu por 3-1 e quatro homens estavam jogando com 11 contra 7. Os alunos que sofreram quatro expulsões, acabou por amarrar o encientro 3-3 com um gol de Miguel Angel Russo na hora.

Grêmio, Estudiantes e América de Cali formaram o grupo que semifinais da Copa em 1983. Os brasileiros foram os primeiros e se classificou para as finais, em seguida, ganhou ao vencer Penarol para levantar seu primeiro título na Libertadores.

A revanche será disputada na terça-feira, 28 de agosto, em Porto Alegre.


Boca vs. Libertad / quarta-feira 19h30 (ARG) / 18h30 (PAR) na Bombonera


Boca e Libertad será outra atração da rodada eliminatória. Na Copa Libertadores, eles lutaram quatro vezes. Foi em 1977 e 2007, ambas as taças conquistadas pelo Boca.

Em 1977, Boca del Toto Lorenzo derrotou Libertad nas semifinais.Foram dois sucessos por 1-0, na Bombonera e nos Defensores del Chaco. Em 2007, empatou a primeira partida em Buenos Aires por 1 a 1 e, no jogo de volta, os xeneizados se fortaleceram em Assunção e, com um triunfo por 2 a 0, entraram nas semifinais.

A revanche será na quinta-feira, 30 de agosto, em Assunção, no Paraguai.


Colo-Colo vs. Corinthians / Quarta-feira 20h45 (CHI) / 21h45 (BRA) no Monumental


O Colo Colo e o Corinthians jogarão pela primeira vez pela Copa Libertadores, embora registrem duelos para os torneios da Conmebol.Eles foram medidos pela fase de grupos da Copa do Mercosul de 2001.

Eles dividiram o Grupo C: o Corinthians venceu por 2 a 0 no Chile, enquanto no Brasil não marcou nenhum gol. Timao terminou em primeiro nessa zona, seguido pelo Independiente (ambos foram para as quartas de final), enquanto Colo Colo e Cruzeiro ficaram de fora naquele primeiro round.

A revanche será na quarta-feira, 29 de agosto, na Arena Corinthians, em São Paulo.


Flamengo vs. Cruzeiro / quarta-feira 21h45 (BRA) no Maracanã


Embora tenha uma longa história no futebol brasileiro, será a primeira vez que enfrentará a Copa Libertadores. Nos torneios da CONMEBOL, eles disputaram as semifinais da Supercopa de 1995 e Mengao conseguiu o ingresso para a definição.

Na primeira partida, o Flamengo venceu por 1 a 0 o Cruzeiro no Mineirão e no retorno estabeleceu a série com um 3-1 no Maracanã.Depois, o Flamengo perdeu a final contra o Independiente de Avellaneda.

A revanche será na quarta-feira, 29 de agosto, em Belo Horizonte.


Racing vs. River / quinta-feira 19h30 (ARG) no Cilindro de Avellaneda


Embora o River domine a história dos jogos com o Racing, contando todas as competições, na Libertadores a história é diferente: os Milionários nunca poderiam vencer a Academia pela Copa.

Eles foram medidos quatro vezes pela Libertadores de 1967, a única ganha pelo Racing, e houve dois triunfos na Academia e dois empates.Eles se encontraram novamente em 1997 para as oitavas de final.Naquela época, River começou na fase decisiva por ser o último campeão. Na primeira mão empatou em 3-3 em Avellaneda e na revanche foi 1-1 no Monumental. A corrida venceu por 5 a 3 nos pênaltis e eliminou o campeão. O único que falhou sua penalidade foi Enzo Francescoli.

A revanche será na quarta-feira, 29 de agosto no Monumental.


Cerro Porteño vs. Palmeiras / Quinta-feira 20h45 (PAR) / 21h45 (BRA) no Nueva Olla


O Palmeiras, o melhor da fase de grupos, enfrentará o Cerro Porteño, o segundo que marcou mais pontos. Entre 1999 e 2006, brasileiros e paraguaios foram medidos oito vezes, sempre na fase de grupos.

O recorde favorece o Palmeiras, que venceu 3 partidas e só perdeu um contra o Cerro Porteño. Os outros quatro jogos foram empatados.A última vez que se encontraram na fase de grupos de 2006 foi a única vitória dos paraguaios, que venceu por 3 a 2 em San Pablo, onde a segunda partida será disputada desta vez.

A revanche será na quinta-feira, 30 de agosto, no estádio Palmeiras.


Atlético Tucumán vs. Atlético Nacional / Quinta-feira 21h45 (ARG) /19.45 (COL)


Eles jogarão pela primeira vez nos torneios da Copa Libertadores e na CONMEBOL. Para o Atlético Tucumán, será a estréia na segunda rodada da Conmebol Libertadores, enquanto os colombianos estão animados para conquistar a Copa pela terceira vez.


Independiente vs. Santos / Terça-feira, 21 de agosto, às 21h45 (ARG e BRA)


Santos vs. Independiente é um confronto de super campeões. Entre os dois, somam 10 Libertadores. Na história da Copa, eles se encontraram duas vezes, ambas em 1964 e com duas vitórias do Rojo, que depois ganhou seu primeiro título naquele ano depois de deixar o Santos no caminho, que veio a ser bicampeão.

Na primeira semifinal de 1964, o Independiente conseguiu um triunfo histórico no Maracanã, no Rio de Janeiro, onde o jogo foi disputado. Red perdeu 2-0 e virou-se para prevalecer por 3-2 na hora. Depois, em Avellaneda, os argentinos obtiveram outro sucesso: foi uma vitória por 2 a 1 e um ingresso para a grande final, na qual venceram o Nacional do Uruguai para gritar campeão.

Fechar