Conheça o Danubio, adversário do Atlético-MG na Fase 2 da Copa CONMEBOL Libertadores

Galo terá pela frente os uruguaios em sua estreia na competição, nesta terça-feira à noite. Vencedor enfrentará Barcelona de Guayaquil ou Defensor na terceira fase preliminar

Primeiro time brasileiro a estrear na Copa CONMEBOL Libertadores 2019, o Atlético-MG disputará com o Danubio o direito para seguir na briga por uma das quatro vagas ainda abertas na fase de grupos. O jogo de ida pela segunda fase preliminar será nesta terça-feira (5), às 19h15 (de Brasília), no Estádio Luis Franzini, em Montevidéu, com volta marcada na próxima semana, no Independência. Veja abaixo a tabela das partidas desta semana:

Tabela - 2ª fase Libertadores 2019

O vencedor do confronto enfrentará Barcelona de Guayaquil ou Defensor, valendo vaga no Grupo E, o mesmo de Cerro Porteño, Nacional-URU e Zamora.

Será o primeiro confronto entre as equipes em competições CONMEBOL. Pela frente, o Galo terá um adversário em reformulação, com pouca rodagem internacional e que ainda não realizou partidas oficiais em 2019. Conheça mais sobre o Danubio:


HISTÓRIA


Fundado em 1º de março de 1932 na Curva de Maroñas, bairro de Montevidéu que era uma zona rural na época, o Danubio Fútbol Club nasceu do desejo de jovens do único colégio da região, o República de Nicarágua, de ter o próprio time de futebol. Sem condições financeiras para bancar a brincadeira, os jogadores fizeram uma rifa para criar o primeiro uniforme oficial, com listras verticais brancas e pretas, inspirado no Montevideo Wanderers. O nome é uma homenagem ao Rio Danubio, na Bulgária, país de origem da família Lazaroff, uma das pioneiras do clube.

Foi quatro vezes campeão nacional e levantou a taça pela última vez na temporada 2013-14. O clube ficou conhecido por revelar diversos craques do futebol uruguaio - Cavani, Zalayeta, Rúben Sosa, Alvaro Recoba e José Maria Gimenez estão entre os exemplos mais recentes. O Danubio manda seus jogos no Estádio Jardines del Hipódromo, com capacidade para 18 mil pessoas, mas o duelo com o Galo ocorrerá no Luis Franzini, campo do rival Defensor.


OS DESTAQUES


No comando desde 18 de dezembro, o técnico Marcelo Mendéz terá um grupo jovem e remontado para a estreia na Libertadores. Dez jogadores deixaram o clube ao fim do Campeonato Uruguaio, como os meias Pablo Cepellini e Ribair Rodríguez, que era capitão do time. O Danubio acertou seis contratações para 2019, mas nenhuma de peso. "Somos uma equipe em formação. Cerca de 70% dos jogadores vieram do juvenil e disputarão a Libertadores pela primeira vez", explicou o treinador.

Uma das novas apostas é o volante Leandro Onetto, de 22 anos, vindo do Progreso. A esperança por gols recai em Federico Rodríguez, 27 anos, que balançou redes sete vezes em 27 jogos no último Uruguaio.


COMO JOGA


No último amistoso antes da estreia na Libertadores, contra o Liverpool-URU, no dia 30 de janeiro, o Danubio usou a formação considerada titular na primeiro tempo e perdeu por 1 a 0. A equipe, no 4-4-2, foi escalada com Cristóforo, Sergio Felipe, Renzo Ramírez, Ferrares e Leandro Sosa; Olivera, Gonzalo Montes, Siles e Onetto, Grossmüller e Federico Rodríguez. Na segunda etapa, com outras formações, as equipes empataram em 2 a 2. 


DANUBIO NA LIBERTADORES


Danubio - Libertadores 2019

O uruguaio Marcelo Méndez assumiu a equipe após o Danubio terminar o último Campeonato Uruguaio em décimo lugar. O clube volta à Copa após quatro anos.


ONDE ASSISTIR À ESTREIA DO GALO?


Os jogos de ida e volta do Atlético-MG na segunda fase preliminar terão transmissão pelo Fox Sports (também no Fox Play) para o Brasil e também aos demais países da América do Sul.

Fechar