Campeões como atleta e técnico: Schelotto pode ser o nono

Técnico do Boca Juniors já ergueu a Copa CONMEBOL Libertadores quatro vezes como jogador. Ele busca um feito que o rival Gallardo já conquistou

A grande final da Copa CONMEBOL Libertadores, entre River Plate e Boca Juniors, se aproxima e com ela uma chance rara para Guillermo Barros Schelotto. O treinador do Boca, quatro vezes campeão continental pelo clube como jogador, pode ser o nono na história a ter a conquista como atleta e treinador.

Guillermo Barros Schelotto Boca Juniors

Marcelo Gallardo entrou para seleta lista em 2015, com o River. Deste grupo também faz parte Renato Gaúcho, atual campeão da Copa pelo Grêmio. Confira a lista:

Humberto Maschio: É um caso raro na história. Como jogador, ele ganhou a Copa com o Racing em 1967 e, como treinador, ergueu a taça em 1973, pelo maior rival, Independiente.

Roberto Ferreiro: São três taças, que transformaram o Independiente no Rei de Copas. Como jogador do clube, levou a Copa em 1964 e 1965. Foi campeão em 1974 como treinador.

Luis Cubilla: Um uruguaio que é símbolo da Copa CONMEBOL Libertadores. São três títulos como jogador: 1960 e 61 pelo Peñarol e em 1971 pelo rival Nacional. Como técnico, foi campeão duas vezes à frente do Olimpia: 1979 e 1990.

Juan Martín Mujica: Ídolo do Nacional, levou a taça como jogador em 1971 e voltou a ser campeão em 1980 como treinador do clube.

José Omar Pastoriza: Foi campeão como jogador do Independiente em 1972 e depois conduziu o clube à outra taça, como treinador, em 1984.

Nery Pumpido: O ex-goleiro, campeão com a Argentina na Copa do Mundo de 1986, levou a Libertadores como atleta no mesmo ano com o River Plate. Em 2002, conquistou o título treinando a equipe do Olimpia.

Marcelo Gallardo: O ídolo do clube busca sua terceira taça em 2018. Já foi campeão com o River em 1996, como atleta, e em 2015, como técnico.

Marcelo Gallardo Boca Juniors River Plate Primera Division 24042016

Renato Gaúcho: Um dos grandes ídolos do Grêmio, Renato conduziu o Tricolor ao título no campo, em 1983. A segunda taça veio em 2017, como treinador do clube.

Renato Gaucho Gremio campeao Copa Libertadores 29112017

Fechar