Argentinos comandam o Melgar, rival do Palmeiras na Fase de grupos da Copa Libertadores

Atacante Bernardo Cuesta é o maior goleador da equipe peruana e principal arma do treinador Jorge Pautasso, um seguidor de Marcelo Bielsa

Última equipe classificada para o Grupo F da Copa CONMEBOL Libertadores, o Melgar (PER) estará no caminho do Palmeiras na luta pelo bicampeonato da competição sul-americana. Apesar de não estar entre os clubes mais tradicionais do Peru, conta com elementos capazes de deixar os brasileiros atentos. Dois deles são argentinos e comandam a agremiação peruana em busca do sonho de brigar entre os grandes da América. 

No comando do Melgar está Jorge Pautasso, treinador argentino de 57 anos. Pautasso é mais um dos representantes do que na Argentina chamam de "Bielsismo", que nada mais é do que uma alcunha para definir o estilo do aclamado técnico Marcelo Bielsa, atualmente à frente do Leeds (ING). Pautasso foi jogador de "El Loco" no Newell's Old Boys (ARG) na década de 1990 e, anos mais tarde, foi auxiliar de Tata Martino na seleção argentina vice-campeã mundial no Brasil em 2014. Eles atuaram juntos no Newell's de Bielsa. 

Nesta Libertadores, o estilo do treinador já saltou aos olhos em comemorações de gols. Contra o Caracas, na Fase 3, última antes dos grupos, saiu correndo desesperado ao ver sua equipe abrir vantagem contra os venezuelanos em casa. A vitória de 2 a 0 acabou sendo determinante para a classificação, assegurada na Venezuela na terça-feira com derrota de 2 a 1. Graças a um gol salvador no fim da partida, marcado por um argentino, o outro comandante do time. 

Bernardo Cuesta tem 30 anos e é uma grande figura do Melgar. Contra o Caracas, ele chegou a 96 gols pelo clube, mostra de que é um arma perigosa e na qual o Palmeiras precisará ficar atento. Ele busca a marca centenária, muito representativa para um clube que tem buscado uma ascensão. 

O jogador é natural de uma das regiões mais frutíferas em gerar talentos para o futebol argentina. Nasceu próximo a Rosario, cidade que exportou para o mundo nomes como o de Lionel Messi, Angel Dí Maria, Ezequiel Lavezzi, Mauro Icardi, além do lendário treinador César Menotti, campeão do mundo pela Argentina em 1978 e inflenciador de diversos treinadores, entre eles o próprio Bielsa. 

O Melgar estreia na Fase de grupos da Libertadores na próxima terça-feira no Peru contra o San Lorenzo (ARG), o argentino do grupo F - o colombiano Junior Barranquilla completa a chave. O primeiro confronto com o Palmeiras será no dia 12 de março no Allianz Parque. Olhares atentos ao perigo hermano da agremiação peruana.

Fechar