A história do Gre-Nal 427! O clássico do Grêmio, de Pepê, na casa do rival numa rara noite de Libertadores

O primeiro grito, o primeiro vencedor. O Imortal deixou sua marca no Beira-Rio. Assista ao triunfo tricolor no clássico em imagens exclusivas

A história do Gre-Nal 427, a história de um 23 de setembro que ficará eternizado para a torcida do Grêmio. A CONMEBOL Libertadores esperou 60 anos para sentir a rivalidade de um dos maiores clássicos do mundo. O esperado encontro pela Copa ficou marcado para 2020 e, dentro dele, uma espera acima do normal entre os dois clássicos aumentou a ansiedade no Rio Grande do Sul.

De 12 de março, dia em que Grêmio e Internacional empataram sem gols na Arena, até a volta, no Beira-Rio, foram mais de seis meses. O primeiro gol e o primeiro vitoriso num Gre-Nal de Libertadores tiveram que esperar. E foi o Imortal, pelos pés de Pepê, no minuto 74, que fez a festa. Desfrute o clássico em imagens inéditas.

Fechar